TwitterFacebook
Página inicial |
blog PRIME
Prime
A PRIME CLIPPING AGENDA DE SHOWS GALERIA DE FOTOS GALERIA DE VÍDEOS DEIXE SEU RECADO CONTATO

Com um show de quatro horas, Paula Fernandes testa força do público de sertanejo no Rio.

10/06/2013

Com uma carreira de sucesso no Brasil e até no exterior, a mineira Paula Fernandes testou a força do público sertanejo em terras cariocas ao se apresentar para oito mil pessoas na gravação do seu segundo DVD, neste sábado (8), no HSBC Arena, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, cidade em que o estilo country-pop-romântico não é tão popular quanto em outras regiões do país.

A cantora apresentou músicas inéditas, relembrou grandes sucessos e dividiu o palco com ídolos, como a dupla Zezé de Camargo e Luciano, e Roberta Miranda, em uma longa apresentação que incluiu cinco trocas de figurinos, efeitos diversos e até mesmo a presença do cavalo Ciclone no palco.

"O pessoal do Rio, em geral, tem um certo preconceito com a música sertaneja, mas isso já está mudando", avalia a administradora Adriana Alves, de 33 anos, que conta ter conhecido um pouco mais sobre a cantora através de amigos do interior de São Paulo e do Paraná que estão no Rio a trabalho. Desde que chegaram à cidade, há dois meses, foi a primeira balada sertaneja da dupla de amigos em terras cariocas.

"A escolha do Rio talvez não tenha sido aleatória, ela pode estar querendo justamente conquistar um novo público", avaliou Flavia Nary, de 28 anos, diretora de um fã-clube da cantora que reúne "mais de mil membros no Brasil e até no exterior.

O repertório predominantemente romântico, com sucessos como "Se o Coração Viajar, "Navegar em Mim", "Não Precisa" embalou dezenas de casais de namorados presentes, inclusive muitas mulheres que circulavam de mãos dadas e trocavam carícias, um dia após a cantora de 29 anos ter defendido, em entrevista a um jornal carioca, que "o amor é um só, não importa se é homem com homem ou mulher com mulher".

Ponto alto de uma apresentação que durou quatro horas e foi marcada por diversas interrupções, problemas e imprevistos no roteiro da gravação do DVD, a entrada de Zezé de Camargo e Luciano ao palco foi precedida por um vídeo com fotos da cantora ainda criança. No áudio, a mineira canta, aos 8 anos, "Coração na Contramão", para então dividir o sucesso da dupla no palco, 21 anos depois. "É um privilégio pra gente estar aqui. Cancelamos shows para estarmos com você, pois sabemos o quanto essa noite é especial pra você e o seu público", disse Zezé.

Outro ponto alto da apresentação foi a presença de Roberta Miranda, uma das primeiras cantoras do sexo feminino a fazer sucesso em um gênero até então predominantemente dominado por homens. Juntas, as duas cantaram o clássico sertanejo "Majestade o Sabiá". "Sou a prova viva de que os sonhos se realizam quando você acredita", emocionou-se a cantora sobre a participação especial de Roberta em seu show.

Cariocas aderem ao visual "Paula Fernandes"

Se a determinação e o comportamento discreto em sua vida pessoal são frequentemente citados como exemplos de inspiração por seus fãs, o visual que mistura fragilidade, doçura e sensualidade também parece ter feito adeptas no Rio. Entre as mulheres, as botas pesadas, o xadrez e o jeans típicos do estilo country deram lugar a um visual mais feminino e sexy, com uma profusão de saltos altíssimos, pernas de fora e cabelos longos.

A cantora segue adepta de um visual extravagante que divide opiniões: Paula abriu o show com um collant vermelho repleto de franjas com decote em formato de coração, depois veio vestida de menina caipira, trocou por um vestido de cauda longa (que se mostrou um problema na hora de montar no cavalo Ciclone) para, em seguida, aparecer toda de branco, com uma volumosa saia de tule, semelhante a um vestido de noiva. "O pessoal tá falando pra eu casar. Eu posso, mas não estou com vontade ainda", brincou ao responder aos apelos de uma fã, sobre o namoro com o dentista Henrique do Valle, de 33 anos, prestes a completar um ano. Por fim, Paula terminou o show com o visual mais sexy da noite: um macacão preto justo, cheio de transparências e marcando a cintura e as pernas impecáveis da moça.

Ansioso, o rapaz circulava entre o camarim e a plateia durante toda a apresentação e também fez comentários ponderados sobre o relacionamento: "É cedo, estamos em um namoro de um ano, ainda nos conhecendo. É um namoro seguro".

Voltar

 
hidea.com   e-mail